01/02/2018


O Ministério Público Estadual entrou na última quarta-feira (31/01) com uma ação civil contra o prefeito João Doria por improbidade administrativa pelo uso indevido da marca do programa Cidade Linda para promoção pessoal. Os promotores citam, inclusive, enriquecimento ilícito.

A Promotoria exige liminar obrigando que o prefeito utilize a marca do programa em suas redes sociais, no site da prefeitura e em veículos, camisetas, bonés outdoors e publicações.

A Prefeitura negou qualquer irregularidade e que nenhuma norma legal está sendo infringida.