14/02/2018


Prometida para 2014, linha já contabilizou inúmeros atrasos. Desta vez, governo culpa a Bombardier, que não teria entregue sistema de sinalização das vias.

A estação Eucaliptos, prometida para dezembro de 2017 e adiada para janeiro, agora deve ser entregue até o fim de fevereiro. As estações Moema, AACD-Servidor e Hospital São Paulo prometidas para este mês de fevereiro, devem ficar para fim de março ou início de abril, disse o secretário de Transportes Metropolitanos, Clodoaldo Pelissioni, em entrevista ao SP1, da TV Globo.

Ainda para o mês de abril, serão entregues, segundo o governo, as estações Santa Cruz (integrada com a Linha 1 Azul) e Chácara Klabin (integrada com a Linha 2 Verde). A estação Campo Belo, também da Linha 5 Lilás, continua prevista para dezembro deste ano.

Questionado pelo SP1 sobre os atrasos, o secretário dos Transportes diz que a Bombardier “está sendo devidamente multada”. “A multa que já devemos aplicar, que já passou por recurso, é de RS 12 milhões. Mas nós já temos processos que somam mais de R$ 46 milhões.”